Preparado para a alimentação complementar?

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que os bebés façam aleitamento materno em exclusivo até aos 6 meses. Ou seja, até essa idade, os bebés não necessitam de nenhum outro alimento complementar ou bebida. Sensivelmente a partir dos 6 meses, é importante começar a oferecer alimentos complementares mantendo a amamentação.

No entanto, nem todos os bebés estão preparados para começar a comer exatamente aos 6 meses: uns estarão antes e outros depois. A maioria dá sinais de prontidão entre os 6 e os 8 meses.

Sempre que possível, vale a pena esperar que o bebé mostre esses sinais. Porquê? Porque um bebé que está preparado para iniciar a alimentação é um bebé mais receptivo e que aceita melhor experimentar novas texturas e sabores! E isso será, com certeza, o início de uma relação mais saudável com a comida.

E então, que sinais são esses?

# 1 – Sentar-se sem ajuda (ou com ajuda mínima);
# 2 – Ter perdido o reflexo de extrusão da língua;

Nos primeiros meses, quando um alimento ou objeto tenta entrar na boca do bebé, este empurra-o para fora com a língua protegendo-o de engasgamentos ou de alimentos que ainda não é capaz de digerir. À medida que crescem perdem este reflexo protetor.

# 3 – Conseguir levar os alimentos à boca com a sua mão;
# 4 – Conseguir comunicar sinais de saciedade. 

Mesmo sem conseguir ainda falar, o bebé tem a capacidade de nos dizer “não quero mais!!”, abanando a cabeça, empurrando a comida, etc. Desta forma ele comunica quando e quanto ele deseja comer.

Se respondeste que não a algum destes sinais, talvez seja boa ideia esperar mais um pouco, uma semana ou duas, e verificar de novo. Os bebés desenvolvem-se tão rapidamente e estão sempre a mudar!

Confia. Olha para o teu bebé. Ele diz-te tudo!

Sofia Rocha – Enfermeira/CAM/Assessora de Lactação/Doula 

Referências:

  • Guidelines for implementing a baby-led approach to the introduction
    of solid foods –  June 2008
  • www.leitematerno.org
  • www.kellymom.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *